Reprodução
Reprodução

Varíola dos macacos não deve se transformar em nova pandemia, diz OMS

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Nesta segunda-feira, 30, em uma sessão de perguntas e respostas feita a líder técnica para varíola do Programa de Emergências em Saúde da Organização Mundial de Saúde (OMS), Rosamund Lewis, afirmou que a varíola dos macacos não deve causar uma nova pandemia. 

Segundo a especialista, o surto deve ser considerado uma “potencial emergência de saúde pública de interesse internacional” para acelerar a pesquisa sobre a doença e facilitar o financiamento para o seu combate.

CONTINUE LENDO...

“No momento, não estamos preocupados com uma pandemia global”, afirma Rosamund. A entidade acredita que o surto pode ser contido.

Até o momento, mais de 300 casos já foram relatados em mais de 20 países , o Brasil monitora três pacientes, que ainda não foram confirmados. Não houve nenhum óbito registrado.

A doença é transmitida por contato próximo com os fluidos das feridas ou por gotículas respiratórias.

Com informações do Metrópoles

VER MAIS

VER MAIS