Casa de Artes Tiago de Pinho apresenta ‘Minha Mãe Para Sempre Uma peça’, tributo a Paulo Gustavo

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Neste sábado, 4, no Teatro Margarida Schivasappa, às 20h, a Casa de Artes Tiago de Pinho apresenta “Minha Mãe Para Sempre Uma Peça – Tributo a Paulo Gustavo”.

O texto e interpretação da Dona Hermínia – personagem do saudouso Paulo Gustavo -, é de Danilo Couto. A direção é de Tiago de Pinho.O espetáculo tem a duração de uma hora e meia e além de Hermínia, apresentam-se ao público os filhos Marcelina (Graciane Gonçalves) e Juliano (Viktor Ayan).

CONTINUE LENDO...

De acordo com o diretor Tiago de Pinho, esse é um momento de homenagear o artista que contribuiu muito para a cultura e humor no país e uma forma dos fãs darem boas gargalhadas.”A nossa casa tem o prazer de produzir a adaptação feita pelo nosso aluno Danilo Couto, que tem se destacado na cidade com seus persongens cômicos e um deles é a icônica Dona Hermínia, criada pelo gênio Paulo Gustavo, cuja arte está eternizada em nossos corações.

Estamos há 1 ano sem Paulo e esse espetáculo homenageia esse legado que ele deixou. A arte não pode parar!”, conta Tiago.

Para ele, o público irá se identificar e gargalhar, pois Danilo interpreta Dona Hermínia há anos e se inspirou nas célebres cenas protagonizadas por Paulo, que se inspirava em Déia Lúcia, sua mãe. “Boa parte de nós temos uma Dona Hermínia dentro de casa e o diferencia dessa peça é que a plateia vai se identificar mais ainda, pois irão conhecer uma mãezona bem paraense!”, disse.

O ator e jornalista, Danilo Couto, também é fã de Paulo Gustavo e se sente honrado e representar uma Dona Hermínia, com uma pegada paraense no palco. “Garanto que o público vai matar a saudade desse personagem tão singular que é a Dona Hermínia. Tentei ao máximo trazer toda a essência dela. E também dando um toque especial da mãe paraense. Tenho certeza que quem for assistir vai se identificar”, comentou.”Eu pensei nesse tributo como forma de homenagear um dos maiores humoristas do Brasil. E também como forma de gratidão.

Tenho comigo a célebre frase que ele disse ‘rir é um ato de resistência’. Tudo começou em março quanto reasisti um vídeo da peça no YouTube. E aquilo me trouxe uma memória tão boa de quando eu fui ao teatro pela primeira vez em 2013 assistir minha mãe é uma peça.

Durante o processo de montagem eu me emocionei muito, pois, a perda do Paulo, foi muito difícil pra mim. Foi como se eu tivesse perdido alguém da minha família. Já que ele sempre foi muito presente na minha vida. Então me senti na obrigação de fomentar ainda mais essa arte dele que é tão genuína” finalizou.

Serviço – Minha Mãe Para Sempre Uma Peça

Local: Teatro Margarida Schivasappa (Centur)

Data: sábado (04/06)Hora: 20h

Ingressos: R$ 30,00 https://www.sympla.com.br/evento/minha-mae-para-sempre-uma-peca-um-tributo-a-paulo-gustavo/1595877Mais informações: @sigateatroAssessoria de comunicação: Emanuele Corrêa – (91) 98234-8458

VER MAIS

VER MAIS