Agência Pará
Agência Pará

Todos os atentados contra policiais no Pará estão sendo investigados, diz comandante da PM

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

O Comandante-Geral da Polícia Militar, Coronel Dilson Júnior, afirmou, em reunião na Assembleia Legislativa do Pará (Alepa), que todos os atentados contra policiais no Pará estão sendo investigados. A reunião semipresencial foi convocada pela Comissão de Segurança Pública da Alepa para esclarecimentos após os registros de 9 homicídios e 5 atentados, entre 13 a 18 de maio, contra agentes de segurança pública no Pará.

“A articulação dos órgãos de segurança e setores de inteligência interagiram de forma integrada e as ações no sentido de identificar os autores dos crimes foram exitosas”, afirmou o comandante da PM.  

CONTINUE LENDO...

A afirmação foi confirmada pelo Delegado Geral da Polícia Civil, Walter Rezende, que apresentou os dados. Segundo ele, foram registrados 26 crimes contra agentes de segurança pública, sendo 19 já solucionados.

 “Com a ação imediata da força-tarefa, todos os casos estão sendo solucionados, e o mais importante é o trabalho preventivo feito pelas equipes de inteligência”, garantiu.

O secretário de segurança pública, Ualame Machado, destacou a estratégia dos 3 “I’s” – Integração, Inteligência e Investimento. “A ação das forças de segurança é imediata, com a realização de várias operações policiais de forma integrada, que trazem resultados positivos ao longo dos últimos três anos consecutivos”, avaliou.

Segundo Ualame Machado, em 2021, esses resultados tiraram vários municípios do Pará do ranking das cidades mais violentas.

Já o presidente da comissão, deputado Toni Cunha, afirmou que as informações prestadas foram satisfatórias.

“Antes de ser um parlamentar, sou policial por formação e é como técnico à frente desta comissão que atuo para que a vida dos nossos policiais e agentes de segurança sejam preservadas. Ter as informações de como o Estado vem atuando na prevenção dos crimes é importante para colaborar com o trabalho da segurança pública”, concluiu.

VER MAIS

VER MAIS