Foto: Reprodução/Instagram
Foto: Reprodução/Instagram

Ex-jogador de basquete, Oscar Schmidt fala sobre câncer: “medo de morrer”

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

O ex-jogador de basquete pela Seleção Brasileira, Oscar Schmidt fez um desabafo sobre a tensão que viveu ao ser diagnosticado com câncer no cérebro.

O ex-atleta deu uma entrevista no programa Domingo Espetacular, da Record TV, e relembrou o fim do tratamento contra a doença, que foi descoberta no ano passado, e revelou ainda, que o estado de saúde o fez perder um de seus maiores medos.

CONTINUE LENDO...

“Esse tumor me fez perder o medo de morrer. Eu morria de medo de morrer”, contou ele. Mas, em seguida, Oscar celebrou a cura. “Estou curado mesmo. Porque eu não tive mais nenhum episódio de nada. Nada. Me sinto bem”, confessou.

Oscar, que é irmão do apresentador do BBB, Tadeu Schmidt, disse ainda que já tem uns meses que deixou de realizar quimioterapia e que os seus exames estão normais. “Meu médico perguntou para mim se eu queria parar (a quimioterapia). Isso faz alguns anos. Eu resolvi parar agora. É uma convicção, disso aqui eu não vou morrer”.

O ex-jogador ainda revelou o drama que enfrentou durante o pico da pandemia da covid-19. “Se eu não tivesse as palestras, eu ia passar fome. Mas eu ia passar fome? Aí, eu vivo disso, né. E eu tenho alguns apartamentos alugados, mas eu ia passar fome. Você acha que eu tenho esse dinheiro todo? Claro que não!”, afirmou.

Com informações da Contigo!

VER MAIS

VER MAIS