Avião com restos mortais de Bruno Pereira e Dom Phillips chega a Brasília

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Na tarde desta quinta-feira, 16, os restos mortais do indigenista Bruno Araújo Pereira e do jornalista Dom Phillips chegaram ao Aeroporto de Brasília. Os corpos foram transportados em uma aeronave da Polícia Federal (PF).

Policiais federais carregaram os caixões com os corpos. O diretor-executivo da PF, delegado Sandro Avelar, auxiliou no traslado. Os restos mortais devem ser periciados a partir desta sexta-feira, 17, pelo Instituto Nacional de Criminalística, no Setor Policial Sul.

CONTINUE LENDO...

O avião saiu de Manaus para Tabatinga, onde recolheu os restos mortais e os peritos. Na sequência, seguiu para Vilhena, em Rondônia, para reabastecer e se encaminhar até Brasília.

Pereira e Phillips desapareceram no Vale do Javari, na Amazônia, no último dia 5. Eles foram vistos pela última vez na manhã daquele domingo, na comunidade de São Gabriel, não muito longe do destino, a cidade de Atalaia do Norte.

Os peritos farão exames de DNA para comparar os vestígios à genética de familiares de Pereira e Phillips, devido ao avançado de decomposição em que os corpos se encontram. Também poderão ser feitos exames da arcada dentária.

A perícia também deve apontar qual foi a causa das mortes. Os resultados das análises devem sair em até 10 dias, podendo ser reduzido para sete.

Com informações do G1

VER MAIS

VER MAIS