Reprodução: Redes Sociais
Reprodução: Redes Sociais

Órgãos de segurança realizam ação contra garimpo ilegal em Jacareacanga no Pará

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

A presença das forças policiais e ambientais, causou correria entre garimpeiros que atuam de forma ilegal em áreas indígenas no município de Jacareacanga, no sudoeste do Pará. Nesta quinta-feira, 23 , áudios que circularam em grupos de whatsapp, alertavam os garimpeiros sobre a presença da polícia em áreas onde o ouro é explorado ilegalmente na região.

A ação dos federais mirou a exploração garimpeira em áreas localizadas ao longo da cabeceira do Rio Kabitutu. Em 2020, essa mesma região foi alvo de uma grande operação que resultou na destruição de 20 retroescavadeiras usadas na extração não permitida de minérios.

CONTINUE LENDO...

A região é uma área protegida por legislação federal. Naquela ocasião, não houve prisão e os garimpeiros utilizaram a mesma estratégia desta quinta-feira, tentar esconder nas matas, os maquinários usados na extração do ouro.

Nas conversas em áudio que circularam em grupos, os garimpeiros conversam entre si e atualizam uns aos outros sobre as ações policiais. Em um dos áudios um dos homens fala sobre a quantidade de maquinário que já foi queimado no dia de hoje e garante que estão queimando apenas as máquinas e deixando os motores.

“Queimaram um bocado, só do Guerreiro queimaram 03. Eles estão vindo queimando tudo, fica bom porque eles não estão queimando os motores só os maquinários mesmo desta vez”, garante o garimpeiro.

Com informações: Portal Plantão 24horas News

VER MAIS

VER MAIS