Divulgação/ Vatican Media
Divulgação/ Vatican Media

Papa Francisco afirma que não vai renunciar

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

O papa Francisco negou rumores de que planeja renunciar em um futuro próximo. Ele falou sobre o assunto em entrevista para a agência Reuters, no Vaticano, concedida do último sábado, 2, e divulgada nesta segunda-feira, 4. O pontífice ainda disse que vai visitar o Canadá neste mês e planeja ir a Moscou e Kiev em seguida.

“Todas essas coincidências fizeram alguns pensarem que a mesma ‘liturgia’ aconteceria. Mas nunca passou pela minha cabeça. Por enquanto não, por enquanto não”, afirmou.

CONTINUE LENDO...

Na entrevista, Francisco ainda negou rumores de que estaria com câncer. Segundo o pontífice, a operação de seis horas realizada ano passado foi para remover parte de seu cólon por causa de diverticulite, uma condição comum em idosos, e os médicos não falaram nada de câncer.

“Ela (a operação) foi um grande sucesso”, garantiu.

Pela primeira vez, o papa deu detalhes sobre a condição do joelho que o impediu de realizar alguns deveres. O pontífice disse que sofreu uma pequena fratura no joelho quando deu um passo em falso enquanto um ligamento estava inflamado. Ele disse que não queria uma operação no joelho, porque a anestesia geral na cirurgia do ano passado teve efeitos colaterais negativos. Por isso, optou por tratar com terapia a laser e magnética.

“Estou bem, estou melhorando lentamente”, afirmou.

Com informações do G1

VER MAIS

VER MAIS