Divulgação
Divulgação

Senadores pedem e Pacheco decide abrir CPI do MEC

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

A maioria dos senadores presentes na reunião de líderes, realizada terça-feira, 5, decidiu que o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, deveria abrir a CPI do Ministério da Educação. Ele ouviu manifestações de apoio às investigações de corrupção no governo e colheu falas de preocupação sobre o impacto eleitoral das apurações em pleno início de campanha.

Pacheco confirmou que vai ler em plenário, ainda nesta semana, os requerimentos que pedem investigação no MEC e outro requerimento que solicita a abertura de uma CPI sobre o crime organizado. A leitura dos requerimentos ocorrerá após o presidente discutir alguns ajustes necessários para a abertura das investigações. Realizada a leitura, caberá aos líderes indicar os membros das CPIs e definir a data de instalação do processo investigatório no Senado.

CONTINUE LENDO...

Com informações da Veja

VER MAIS

VER MAIS