Foto: Agência Belém
Foto: Agência Belém

Belém apresenta ações para desenvolvimento do turismo em Fórum Pan-Amazônico

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Os projetos de fomento ao setor turístico, desenvolvidos pela Prefeitura de Belém por meio da Coordenadoria Municipal de Turismo (Belémtur), serão expostos no X Fórum Social Pan-Amazônico (Fospa) que será realizado na capital paraense a partir desta quinta-feira, 28.


O evento, sediado no campus da Universidade Federal do Pará (UFPA), é um importante espaço de debate e articulação dos povos, organizações e movimentos sociais, em defesa da Amazônia e terá a participação dos nove países que integram a Pan-Amazônia: Brasil, Bolívia, Colômbia, Guiana, Guiana Francesa, Equador, Venezuela e Suriname.

CONTINUE LENDO...

Para a diretora de Turismo da Belémtur, Ana Santiago, a importância desse fórum para o turismo, está nas discussões acerca das questões ambientais e sociais que atingem diretamente a cidade. “Toda a região que envolve a capital paraense é cercada por 39 ilhas, onde se produz uma cadeia turística, como a gastronomia, turismo ecológico-sustentável, hotelaria entre outras redes de produção que impulsionam a movimentação turística. Belém ainda possui o selo de cidade criativa da Unesco e este ano foi eleita pelo Ministério do Turismo, como tendência turística. Nessa atual gestão temos a preocupação de fortalecer discutir e buscar um caminho de desenvolvimento sem perder nossas características”.

Turismo nas ilhas

As ilhas de Belém reservam um turismo de experiência, onde é possível uma imersão pela trajetória da cultura paraense para conhecer a culinária, o artesanato, as praias de água doce. 
Pensando no desenvolvimento turístico da região das ilhas de Belém, a Belémtur executa programas de capacitação destinados aos bares, restaurantes e profissionais do ramo de turismo, a fim de qualificar o setor e promover àqueles que visitam as ilhas, melhores experiências turísticas. 

Turismo acessível

O programa voltado ao turismo acessível é um conjunto de ações para promover a inclusão e o acesso de pessoas com mobilidade reduzida ou deficiência, às atividades turísticas com autonomia e segurança, abrangendo diversos locais turísticos, como parques, praias, teatros e etc. 
Nesse sentido a Belémtur realiza eventos que visam à acessibilidade, adaptando um roteiro turístico nos mais diversos setores, permitindo o acesso das pessoas com deficiência aos benefícios das atividades turísticas em Belém e a visibilidade dos avanços no âmbito do turismo social.

Amigo do Turista

Com a retomada Círio de Nazaré em 2022, após o período mais crítico do cenário pandêmico, as procissões voltam às ruas de Belém contando com a grande participação dos fiéis. Diante disso a Belémtur desenvolve ações voltadas para receber quem vem de fora conhecer a cidade e participar da maior festa religiosa paraense e entre essas ações está o projeto Amigo do Turista. O projeto consiste na instalação de pontos de informação turística em locais estratégicos no trajeto da procissão do Círio, onde atuam agentes de turismo previamente selecionados e qualificados para recepcionar e dar orientações aos turistas que chegam à capital.

Com informações: Agência Belém

VER MAIS

VER MAIS