Divulgação
Divulgação

Defesa chega ao TSE para inspeção de código-fonte de urnas eletrônicas

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Nesta quarta-feira, 3, os representantes do Ministério da Defesa chegaram à sede do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para dar início ao processo de inspeção do código-fonte das urnas eletrônicas. O procedimento foi marcado após ofício ser enviado pela pasta na terça-feira, 2, solicitando acesso “urgentíssimo”.

De acordo com o TSE, o período da manhã foi reservado para reuniões com técnicos do órgão. A inspeção dos códigos será após os debates. Representantes da pasta têm até as 18h para concluir o procedimento.

CONTINUE LENDO...

O acesso aos códigos-fonte do sistema de votação foi aberto em outubro de 2021 para todas as entidades cadastradas para auditoria. As Forças Armadas, compreendidas pelo Ministério da Defesa, estão entre elas.

Com o acesso ao código-fonte, que é um conjunto de comandos escritos em linguagem de programação que compõem um software, o ministério pode testar a tecnologia, achar possíveis falhas e sugerir correções, por exemplo. A intenção é checar a confiabilidade do sistema eleitoral.

Com informações do Metrópoles

VER MAIS

VER MAIS