Reprodução/ Redes Sociais
Reprodução/ Redes Sociais

Treinador de vôlei é preso por estupro de vulnerável e assédio sexual em Santa Catarina

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

André Testa, treinador e árbitro de vôlei, foi preso nesta quinta-feira, 2, após ser denunciado por estupro de vulnerável e assédio sexual contra jogadores de uma equipe de vôlei da cidade de São José, em Santa Catarina.

As denúncias vieram no mês de maio, quando uma das vítimas procurou a Polícia Civil para denunciar o crime que ocorreu no ano de 2017, quando tinha 15 anos.

CONTINUE LENDO...

“Ele me levou para casa dele e lá começou a passar a mão em mim. Eu não tinha malícia na época, porque tinha muita confiança nele. Era uma pessoa muito persuasiva e acabou abusando de mim. Eu não tava entendendo direito essa situação. Foi a minha primeira vez”, contou a vítima.

Atualmente, André treinava a Associação Desportiva e Cultural Terra Firme, que representa o município de São José em competições estaduais e recebe verbas públicas.

O acusado é bastante conhecido no meio esportivo regional e nacional. Inclusive, em 2016, foi árbitro de linha de voleibol nas Olimpíadas do Rio de Janeiro.

Testa foi preso nesta quinta pela equipe da Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI) de São José, encaminhado ao sistema penitenciário e seguirá à disposição d

VER MAIS

VER MAIS