Reprodução/TV Globo
Reprodução/TV Globo

Fred Nicácio acusa Gustavo, Key e Cristian de racismo na Casa do Reencontro do BBB 23; assista

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Fred Nicácio, um dos eliminados do BBB 23, confrontou os ex-colegas de confinamento Cristian, Key e Gustavo e os acusou de racismo no confinamento. Além disso, citou o caso de intolerância religiosa.

“Se vocês fossem uma gerência e fossem contratar alguém, e eu e o Gabriel fossem concorrer a uma vaga, eu não seria escolhido, pelo motivo que vocês falaram que têm medo. Isso é racismo estrutural”, disse Fred, após pedir um minuto de atenção aos brothers.

CONTINUE LENDO...

Tina e Paula também estavam presentes na conversa.

Em seguida, Fred Nicácio explicou que tomaria providências em relação ao tema fora do programa, processando os três responsáveis pelas atitudes preconceituosas.

“O meu jurídico vai acionar vocês. Vocês cometeram um crime e não têm que prestar contas para mim, têm que prestar para a sociedade”, completou ele.

KEY ALVES REBATE

Enquanto Cristian e Gustavo pediram perdão a Fred Nicácio, Key Alves rebateu o brother. Segundo ela, a acusação de intolerância religiosa é verídica, mas o racismo não teria ocorrido.

“Te peço perdão real de tudo que aconteceu, só que racismo a gente não praticou. Porque poderia ser qualquer pessoa, entende? Não é porque você é negro. Não é nada disso. Acho que as coisas estão indo para outro rumo”, disse a jogadora de vôlei.

Durante o discurso, Key alegou que seria parte de uma família preta e, portanto, não poderia ser racista. Tina rebateu a sister prontamente: “Esse é o primeiro discurso de uma pessoa racista”, disse a jornalista.

Paula, inclusive, se emocionou com o assunto. Aos prantos, a paraense citou como é difícil o tratamento de pessoas pretas e brancas. A sister ainda lembrou comentários racistas presentes nas publicações de redes sociais. 

DEBATE NA CASA

Em meio à discussão sobre o assunto, iniciada por Nicácio, Paula ainda entrou no tema ao lembrar da situação de assédio ocorrida nas últimas semanas dentro do programa. “Mesmo quando a Key fala ‘não foi a nossa intenção’, mas tá enraizado, tá enraizado. Agora pensa a situação do Sapato e do Guimê e põe o Cezar Black e o Alface?”, disse ela.

Fred lamentou a situação e ainda acrescentou: ‘é triste imaginar qual seria o desfecho desses dois homens nessa mesma situação, meu Deus do céu’.

Apesar do debate sobre racismo, Marília mudou o rumo da questão ao falar com Key e Gustavo. Segundo ela, apesar de reconhecer a dor de Fred, o médico teria diminuído ela como mulher anteriormente.

Com informações de Diário Nordeste.

VER MAIS

VER MAIS