Foto: reprodução redes sociais
Foto: reprodução redes sociais

Mãe que confessou matar filha de 11 anos tem prisão preventiva decretada no Pará

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Josiene Lima, mãe que confessou ter matado a própria filha Raquel, de 11 anos, em um ramal na PA-318, na altura da comunidade do Caju, em Marapanim, nordeste do Pará, nessa sexta-feira, 17. A mulher foi presa em flagrante pelo crime de homicídio qualificado e teve a prisão convertida em preventiva na manhã desta sexta-feira, 18, segundo informou a Polícia Civil.

O caso

CONTINUE LENDO...

Segundo informações, a mulher foi à delegacia para comunicar o sumiço da filha, mas os agentes desconfiaram pois ela estava muito nervosa e suja de terra. Aon ser interrogada, Josiene confessou o crime.

O corpo de Raquel foi encontrado enrolado em uma rede no meio do mato, a cerca de 100 metros da PA 318. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado e fez a remoção do corpo. 

A PC ainda informou a mulher está à disposição da Justiça e que um inquérito policial foi instaurado e perícias foram requisitadas para auxiliar a investigação.

VER MAIS

VER MAIS