Moradores da Ilha de Mosqueiro celebram o 138° Círio de Nossa Senhora do Ó

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Com o tema “Maria, a primeira entre os humildes e pobres servos do Senhor”, fieis entoaram cânticos marianos e homenagearam a padroeira dos mosqueirenses na manhã deste domingo, 10, desde a celebração da Santa Missa, em frente à Capela do Sagrado Coração de Jesus (Orla do Chapéu-Virado), presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa. Por volta das 8h30, foi iniciada a procissão do Círio de Nossa Senhora do Ó, até o Santuário de Nossa Senhora do Ó, localizado na Vila.

 

“Este o motivo pelo qual nos encontramos aqui na certeza da grandeza da Virgem Maria: é  por isso que você está aqui nesta manhã. Esta missa do Círio é o cumprimento de Nossa Senhora no Magnificat. Que cada um de nós tome posse e consciência da beleza espiritual e da Igreja”,  afirmou durante a homilia o arcebispo metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira.

Círio é a renovação da  

“Pra mim é um momento de fé, é um momento único na vida do cristão. Todo aquele que se entrega se sente muito feliz porque servir a Deus e a Nossa Senhora é uma glória. Pra mim o Círio da Padroeira do Ó é um momento único. Momento de fé, amor e fraternidade”, contou a missionária e moradora da Ilha de Mosqueiro Célia Pinto, 59.

O mesmo sentimento de renovação tomou conta da devota Rosineide Braga de Souza, 57 anos, que estava preparada física e emocionalmente para a primeira caminhada de fé no Círio de Mosqueiro. “Vivenciar o Círio é sempre muito bom. É a primeira vez que tô participando do Círio de Nossa Senhora do Ó, porque agora estou morando aqui em Mosqueiro, há dois meses. É importante fazer essa caminhada com Nossa Senhora. E que Jesus nos dê muitas bênçãos”.

Uma nova festividade a Nossa Senhora do Ó acontecerá a 18 de dezembro.

Percurso 

O percurso de 5,1 km do Círio passou pela Av. 16 de Novembro, Rua Rodolfo Pampolha, Comunidade São Sebastião, 15 de Novembro, Hospital Geral de Mosqueiro, Trav. Siqueira, Rua Pedreirinha, Rua Coronel Carlos Bentes, seguindo até o Santuário  Nossa Senhora do Ó, na Vila.

Serviços 

A Prefeitura de Belém por meio das Secretarias Municipais de Saneamento (Sesan), Defesa Civil, Superintendência Executiva de Mobilidade (Semob) e Guarda Municipal de Belém (GMB) realizou vários serviços e ações preparatórias ao Círio e também para garantir segurança e fluidez durante a procissão. A Guarda atuou com o efetivo da Inspetoria de Mosqueiro e reforço do Grupamento Ronda Ostensiva Municipal (Romu) e ainda motopatrulheiros do Ronda da Capital  (Rondac) totalizando em 25 guardas, duas viaturas e 10 motos; a defesa civil trabalhou com uma equipe de 20 socorristas e uma enfermeira; a Semob executou os serviços referentes ao fechamento e desvio nas ruas ao longo da procissão com 9 agentes de trânsito.

Fonte: Agência Belém

CONTINUE LENDO...

VER MAIS

VER MAIS