Divulgação AID/Alepa
Divulgação AID/Alepa

Novo pré-sal: Alepa cria comissão de estudos sobre exploração de petróleo no Pará

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Nesta terça-feira, 16, o presidente da Assembleia Legislativa do Pará (Alepa), deputado Chicão, acompanhado dos deputados Iran Lima, Luth Rebelo, Gustavo Sefer e Nilton Neves, recebeu uma comitiva de empresários interessados em avançar nas negociações para a exploração de petróleo no Estado, que eles denominaram de novo pré-sal.

O encontro tratou da exploração de petróleo na Margem Equatorial, que é o nome de uma extensa área litorânea que abrange desde o estado do Pará e Amapá até o Estado do Rio Grande do Norte, cujos estudos preliminares apontam altas probabilidades em conter uma grande reserva de petróleo e gás.

CONTINUE LENDO...

O Pará começa a a ser reconhecido, em relação a nova indústria petrolífera que chega ao Norte do Brasil. Havendo avanços em descobertas nas bacias da Foz do Amazonas e Pará-Maranhão, estima-se investimentos para produção de petróleo nestas áreas em torno de R$ 50 bilhões em 10 anos.

O presidente deixou a cargo dos deputados Gustavo Sefer e Luth Rebelo a construção de uma agenda dessa pauta, a partir de um grupo de trabalho, para que todas as demandas ponderadas pelo grupo obtenham apoio e avanço nas discussões nacionais.

O governador Helder Barbalho também está acompanhando a agenda e se mostrou aberto a apoiar o projeto de exploração de petróleo, que será executado na costa do Amapá, e terá apoio logístico totalmente sediado em Belém.

Também participaram do encontro, que ocorreu na antessala da Presidência da Casa de Leis,
Fábio Vasconcelos (Vice-presidente do Sindicato Nacional das Indústrias Navais), Rafael Teixeira, Roberto K.Filho, Roberto Kataoka, Paulo Morelli, Antônio Batista, Ivo Borges (Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos), Dário Magalhães, Prefeito Dr. Lourival Menezes e vereadora Marília – Baião, e Ricardo – Federação de Futebol do Oeste do Pará.

VER MAIS

VER MAIS

// try { // document.addEventListener("DOMContentLoaded", function() { // var bottomAds = document.getElementById("bottom-adsF");// console.log('bntt', bottomAds)// var toggleButton = document.createElement("span");// toggleButton.classList.add("toggle-view"); // toggleButton.onclick = toggleBanner; // Make sure to pass the function reference, not call it// var icon = document.createElement("i"); // icon.classList.add("fas", "fa-chevron-up"); // toggleButton.appendChild(icon); // // toggleButton.innerText = "ocultar/exibira"// bottomAds.appendChild(toggleButton);// let isVisible = false; // function toggleBanner (){ // isVisible = !isVisible; // if(isVisible){ // bottomAds.style.bottom = "0"; // }else{ // bottomAds.style.bottom = "-121px"; // } // } // toggleBanner ();// }); // } catch (error) { // console.error('Erro ao executar o código:', error); // }