Polícia do Pará prende em Santa Catarina homem suspeito de aplicar golpe de R$ 1,5 milhão ao vender carros

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Nesta terça-feira (20), a Polícia Civil do Pará, por meio da Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), vinculada à Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos Automotores (DRFRVA), deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva por estelionato na forma continuada, em Joinville, Santa Catarina. 

A operação foi realizada em ação conjunta com a Polícia Civil de Santa Catarina, com objetivo de cumprir a Ordem Judicial expedida pela Vara de Inquéritos Policiais de Belém. Durante todas as ações criminosas, o investigado causou prejuízo financeiro às vítimas.

CONTINUE LENDO...

Ele se apresentava como proprietário de uma loja de veículos na capital paraense e, posteriormente, assumia a responsabilidade de quitar os automóveis envolvidos em transações comerciais, todavia, outros negócios eram realizados. O homem praticou diversos estelionatos continuadamente. 

O suspeito ainda se apresentou como vendedor para o verdadeiro proprietário da loja de veículos, momento em que efetuaram um acordo para a compra de veículos. Na ocasião, o criminoso recebeu o dinheiro que seria utilizado para a compra dos veículos que seriam vendidos na empresa. Após inúmeros golpes, que ocorreram entre janeiro e abril de 2023, o homem saiu de Belém para Joinville. A prisão preventiva foi deferida em outubro. 

Mediante intenso serviço de investigação, a equipe encontrou indícios de que o foragido estaria residindo no município catarinense. Após troca de informações com policiais civis de Santa Catarina, o acusado foi localizado.

Ele foi conduzido à unidade policial, onde é mantido, atualmente, à disposição do Poder Judiciário.

VER MAIS

VER MAIS