Foto Wanda Marques
Foto Wanda Marques

Relembre alguns sucessos de Paulo André Barata

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

A música da paraense perdeu um dos seus maiores expoentes, Paulo André Barata nasceu em Belém do Pará no dia 25 de setembro de 1946. E morreu no dia em que completou 77 anos, filho do grandioso poeta e compositor Ruy Paranatinga Barata. Desde menino já mostrava sua paixão pelas letras e sonoridade. Aprimorou seu talento musical no Conservatório Carlos Gomes. Teve o pai como fiel parceiro. Juntos, compuseram clássicos da música paraense como “Pauapixuna”, “Esse Rio é Minha Rua”, “Indauê Tupã” e “foi Assim”. Canções que ganharam o mundo interpretadas na voz de Fafá de Belém.

Paulo André Barata tinha canções interpretadas por diversos artistas do Pará e também de fora do estado. Nilson Chaves, Lucinha Bastos, Marco Monteiro, estão entre os nomes mais conhecidos.

CONTINUE LENDO...

Paulo André e Ruy Barata cantavam o seu lugar. São canções lindas, cheias de poesias e de amor à Amazônia. Elas falam sobre a aldeia, são verdadeiras obras-primas. Na canção “Porto Caribe”, mais uma bela composição deles. Pai e filho em um trecho, dizem: “Eu sou de um país que se chama Pará”.

Pauapixuna

Iandauê Tupã

Foi Assim

Esse rio é minha Rua

VER MAIS

VER MAIS