Foto: Amarilis Marisa/Agência Belém
Foto: Amarilis Marisa/Agência Belém

Trabalhadores do Ver-o-Peso são remanejados para obras de reforma geral; veja o novo local

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

A Prefeitura de Belém inicia, na manhã da próxima segunda-feira, 27, o remanejamento dos trabalhadores da Feira do Ver-o-Peso. A ação é feita pela Secretaria Municipal de Economia (Secon), para viabilizar importantes obras de revitalização da parte da feira executadas pela Secretaria Municipal de Urbanismo (Seurb). 

Com o remanejamento, a gestão municipal poderá expandir as ações de reforma geral do Complexo do Ver-o-Peso, o mais emblemático cartão-postal da cidade, que integra uma das obras preparatórias de Belém para a Conferência das Nações Unidas sobre o Clima (COP-30), que será realizada na capital paraense, em novembro de 2025. 

CONTINUE LENDO...

No total, serão remanejados 1.100 trabalhadores em quatro etapas. Nesta primeira fase, segundo explica Mauro Matni, diretor de Feiras e Mercados e Portos da Secon, serão remanejados cerca de 400 feirantes dos setores de Polpa, Maniva, Raízes, Artesanato e Alimentação para a área do Estacionamento do Ver-o-Peso. Mauro Matni informa que este remanejamento levará dois dias – de segunda, 27, a terça-feira, 28. 

A Seurb também já começou a organizar o remanejamento próximo à praça do Relógio, em frente aos casarões históricos, na Doca do Ver-o-Peso, na avenida Portugal, na Cidade Velha, para atender aos trabalhadores que virão da Feira do Açaí. 

Somente nesta etapa, a iniciativa vai gerar o total de 298 empregos diretos e indiretos, sendo 165 diretos e 133 indiretos. 

Para discutir sobre o remanejamento, a Seurb realizou 12 audiências públicas no Mercado Municipal Francisco Bolonha, de dezembro a janeiro de 2024, com todos os segmentos de feirantes.

Estrutura da Feira Provisória é inovadora

Para o remanejamento dos feirantes, a Prefeitura de Belém oferece para os trabalhadores algo inovador em nível de Feira Provisória, pois ela é feita de tendas suspensas, para não oferecer risco de quebrar os pisos, para que a tubulação passe entre o piso e a pavimentação. 

Além disso, está garantida a instalação elétrica, hidráulica e a acessibilidade da população, com rampa e guarda-corpo. Os boxes são em média de 2 metros por 2 ou de 1,5 metros por 1,5, de acordo com o segmento que se está trabalhando. 

Prefeitura investe R$ 63 milhões no mais emblemático cartão-postal da cidade

O Complexo do Ver-o-Peso é umas das obras mais aguardadas pela população. Ela está em execução pela gestão municipal com recursos garantidos pelo governo federal, por meio da Itaipu Binacional, que assegurou ainda neste mês de maio o repasse para a administração municipal de R$ 350 milhões para investimento em obras na cidade.

Desse montante, cerca de R$ 63 milhões serão para a reforma completa do Complexo do Ver-o-Peso. A reforma iniciou pela Ladeira do Castelo, na Feira do Açaí, e vai abranger também a feira tradicional, os mercados de Peixe e Carne, a Pedra do Peixe e o entorno. 

Fonte: Agência Belém

VER MAIS

VER MAIS

// try { // document.addEventListener("DOMContentLoaded", function() { // var bottomAds = document.getElementById("bottom-adsF");// console.log('bntt', bottomAds)// var toggleButton = document.createElement("span");// toggleButton.classList.add("toggle-view"); // toggleButton.onclick = toggleBanner; // Make sure to pass the function reference, not call it// var icon = document.createElement("i"); // icon.classList.add("fas", "fa-chevron-up"); // toggleButton.appendChild(icon); // // toggleButton.innerText = "ocultar/exibira"// bottomAds.appendChild(toggleButton);// let isVisible = false; // function toggleBanner (){ // isVisible = !isVisible; // if(isVisible){ // bottomAds.style.bottom = "0"; // }else{ // bottomAds.style.bottom = "-121px"; // } // } // toggleBanner ();// }); // } catch (error) { // console.error('Erro ao executar o código:', error); // }