Vítima de assalto, motorista persegue dupla de criminosos para ‘uma lição’ em Marabá

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Resolvendo fazer “justiça” com as próprias mãos, um homem que havia sido vítima de um assalto, resolveu perseguir os assaltantes, após praticarem o delito. Jhonata Medeiros Silva e Ronilson Martins Aguiar foram presos na Folha 10, em Marabá, sudeste paraense, após serem perseguidos pelo motorista que eles havia assaltado na última quarta-feira, 28.

A Polícia Militar teria recebido uma denúncia através do Núcleo Integrado de Operações (Niop), que por volta de 2h10, um homem estaria contendo um suspeito de roubo na porta de um bar no Núcleo Nova Marabá. Uma viatura foi encaminhada até o local para verificar a ocorrência.

CONTINUE LENDO...

De acordo com a vítima, ele estava dentro do seu carro quando foi abordado por dois assaltantes em uma motocicleta. Um dos criminosos, que estava sentado na garupa do veículo, apontou uma arma e anunciou o assalto. Após o crime, a dupla teria fugido levando um cordão de ouro e a quantia de R$ 1.000, além de documentos pessoais.

Mas, assim que os criminosos fugiram, a vítima iniciou uma perseguição de carro. Enquanto seguia a dupla de perto, o condutor conseguiu atingir a traseira da motocicleta fazendo com que os dois caíssem. Já no chão, os criminosos ainda tentaram escapar, mas, apenas o carona teve sucesso. O piloto da moto foi contido pelo rapaz que havia sido assaltado.

Jhonata Medeiros Silva foi preso e encaminhado para a Delegacia de Marabá. Aos policiais, ele negou que seria comparsa de Ronilson, mas confirmou que era quem estava conduzindo a moto no momento do crime e também informou o paradeiro do suspeito que havia fugido. A PM fez buscas e ao localizar Ronilson na Folha 4, em uma moto, o interceptou e o prendeu.

Ronilson apresentava escoriações pelo corpo ocasionadas durante a perseguição. Com ele os policiais encontraram uma arma com seis munições, além do cordão de ouro que havia sido roubado da vítima. Na delegacia, Ronilson Aguiar confessou o crime e permitiu a entrada dos agentes em sua casa, onde foram encontrados dois celulares e uma pequena porção de maconha. O suspeito também disse ter roubado a moto que conduzia para fugir.

Devido às lesões, Ronilson foi encaminhado para o Hospital Municipal de Marabá e depois para a delegacia.

Com informações do Debate Carajás

VER MAIS

VER MAIS

// try { // document.addEventListener("DOMContentLoaded", function() { // var bottomAds = document.getElementById("bottom-adsF");// console.log('bntt', bottomAds)// var toggleButton = document.createElement("span");// toggleButton.classList.add("toggle-view"); // toggleButton.onclick = toggleBanner; // Make sure to pass the function reference, not call it// var icon = document.createElement("i"); // icon.classList.add("fas", "fa-chevron-up"); // toggleButton.appendChild(icon); // // toggleButton.innerText = "ocultar/exibira"// bottomAds.appendChild(toggleButton);// let isVisible = false; // function toggleBanner (){ // isVisible = !isVisible; // if(isVisible){ // bottomAds.style.bottom = "0"; // }else{ // bottomAds.style.bottom = "-121px"; // } // } // toggleBanner ();// }); // } catch (error) { // console.error('Erro ao executar o código:', error); // }