ONG DENUNCIA AMEAÇAS AOS JORNALISTAS QUE TRABALHAM NA AMAZÔNIA

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

CONTINUE LENDO...

A Repórteres Sem Fronteiras (RSF) denunciou na última quinta-feira, 21, que jornalistas que trabalham dentro da Amazônia brasileira são vítimas de ameaças constantes, agressões e pressões para não relatar em suas reportagens os problemas encontrados na região. Em um levantamento feito entre junho de 2022 e junho de 2023 foram registrados 66 ataques à jornalistas, dentro dos nove estados que compõem a Amazônia brasileira.

VER MAIS

Caos no trânsito da Grande Belém

O trânsito está caótico – para não dizer insuportável – na rodovia BR-316, onde estão sendo executadas obras do BRT Metropolitano pelo governo do Estado. Os transtornos causados pelos engarrafamentos, sabemos, é para melhorar a vida da população, mas o que todos também sabem é que o sofrimento não deveria ser tanto assim, tivessem sido tomadas as devidas providências, num trabalho conjunto entre governo e prefeituras da Região Metropolitana, principalmente no que diz respeito à sinalização. Durante a noite, as muretas de concreto usadas para fazer os desvios ficam praticamente invisíveis, pois não há iluminação, nem tampouco placas indicativas que sinalizem de maneira clara esses desvios, confundindo os motoristas, que não raro entram nos retornos por engano. Para piorar, as viaturas do Detran estacionadas nos canteiros da obra servem de hotel para os agentes de trânsito, raramente vistos do lado de fora trabalhando, nem mesmo nos horários de pico. Pelo visto, só há um jeito: rezar para as obras acabarem logo e torcer para que o empreendimento não se transforme em outro “elefante branco”, como é o BRT da Prefeitura de Belém. Ao longo da avenida Almirante Barroso impera o engarrafamento, ao lado das duas pistas do BRT praticamente vazias...

Read more

Mais um candidato a prefeito?

Com a aproximação do governo Lula, o ministro do Turismo, Celso Sabino, já é dado como um virtual candidato à Prefeitura de Belém nas eleições deste ano. A candidatura seria uma estratégia do governador Helder Barbalho, que mantém proximidade com o ministro, para evitar uma eventual vitória do PL na capital.

Read more

Justiça bloqueia bens do Pará Clube

Decisão judicial em processo onde figura como réu o Pará Clube, movida pelo Sindicato dos Trabalhadores em Clubes Recreativos do Estado do Pará, favorável a trabalhadores do clube social, determina a penhora e o bloqueio de créditos provenientes de aluguel que uma revendedora de veículos paga mensalmente ao clube, em área pertencente ao réu, até o montante de R$ 590.174,67. O dinheiro terá que ser depositado em juízo para fins de pagamento de dívidas trabalhistas.

Read more

VER MAIS