Mário Quadros/ Ascom Secult
Mário Quadros/ Ascom Secult

Belém recebe exposição que celebra as manifestações culturais do Brasil

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

A exposição “Manifestações Culturais do Brasil – A Celebração Viva da Cultura dos Povos”, chegou a Belém na última terça-feira, 04. A visitação é gratuita e ficará em Belém até o dia 18 de junho.

Com o apoio do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e da Secretaria de Estado de Cultura do Pará (Secult), a mostra é composta por fotos, vídeos, objetos de museus, sons e um rico acervo composto por peças de colecionadores e artesãos. 

CONTINUE LENDO...

São mais de 800 peças expostas com o objetivo de proporcionar experiências interativas com o patrimônio imaterial de todas as regiões do país. “Eu espero que as pessoas venham pra cá, reconheçam a sua cultura presente nesse universo, amplo e diverso que é o patrimônio cultural do Brasil todo”, declarou Luiz Prado, idealizador e coordenador da exposição. 

Belém é a primeira cidade do Norte do País a receber a mostra, que apresenta os 52 bens culturais registrados como patrimônio cultural imaterial brasileiro. Dos 52 bens culturais apresentados, 11 são do Norte e destes, quatro exclusivamente paraenses: Círio de Nossa Senhora de Nazaré, Festividades do Glorioso São Sebastião na região do Marajó, Carimbó e Modo de fazer Cuias do Baixo Amazonas.

A mostra propõe uma síntese da cultura imaterial brasileira, apresentada com textos informativos , legendas em português, inglês e espanhol, permitindo maior compreensão sobre a importância desses bens para a cultura brasileira. Além disso, tudo textualmente exposto, é também apresentado em braile. Para viabilizar uma acessibilidade mais abrangente, um intérprete de libras faz o acompanhamento e monitoria da visita a grupos que apresentem esta demanda. Há ainda, objetos com caráter multissensorial, apresentados como elemento facilitador para a manipulação e a experiência concreta, principalmente para pessoas com deficiências sensoriais (visuais e auditivas), intelectuais e com comprometimentos neuromotores.

E aí, curtiu o rolê? A exposição está aberta ao público de quarta a domingo, de 9h às 16h, no Museu de Arte Sacra de Belém. A entrada é franca.

Com informações de Secom Pará

VER MAIS

VER MAIS

// try { // document.addEventListener("DOMContentLoaded", function() { // var bottomAds = document.getElementById("bottom-adsF");// console.log('bntt', bottomAds)// var toggleButton = document.createElement("span");// toggleButton.classList.add("toggle-view"); // toggleButton.onclick = toggleBanner; // Make sure to pass the function reference, not call it// var icon = document.createElement("i"); // icon.classList.add("fas", "fa-chevron-up"); // toggleButton.appendChild(icon); // // toggleButton.innerText = "ocultar/exibira"// bottomAds.appendChild(toggleButton);// let isVisible = false; // function toggleBanner (){ // isVisible = !isVisible; // if(isVisible){ // bottomAds.style.bottom = "0"; // }else{ // bottomAds.style.bottom = "-121px"; // } // } // toggleBanner ();// }); // } catch (error) { // console.error('Erro ao executar o código:', error); // }