Reprodução/Jornal de Brasília
Reprodução/Jornal de Brasília

Os Paralamas do Sucesso e Frejat se preparam para show em Belém; saiba mais

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Belém será palco de apresentações musicais para matar a saudade do bom e velho rock brasileiro. O evento será no dia 2 de junho, no Hangar, localizado na Avenida Doutor Freitas – no bairro Marco. O Festival “Claro Que É Rock”, conta com as bandas Os Paralamas do Sucesso e Frejat, marcando o retorno das turnês pós-pandemia e apresentando ao público os principais clássicos das últimas quatro décadas de carreira.

O evento também traz aos fãs paraenses nomes importantes e que têm movimentado a cena da música local. Compondo o lineup, Inesita, Kikito convida Malu Guedelha, além dos DJs Albery e Marina Morais tocando na abertura, intervalos e encerramento dos shows.

CONTINUE LENDO...

ATRAÇÕES

Paralamas do Sucesso

Os Paralamas do Sucesso é uma das mais importantes bandas da história da música brasileira e latina. Com 38 anos de carreira, 27 discos lançados, dezenas de sucessos e incontáveis shows pelo Brasil e pelo mundo, o grupo segue na estrada, influenciando novas gerações e envolvendo plateias de todas as idades.

Em 2021, o trio formado por Herbert Vianna (guitarra e voz), Bi Ribeiro (baixo) e João Barone (bateria) deu início a um novo espetáculo, “Paralamas Clássicos”, em que olham para a própria história sob o filtro dos sucessos absolutos. No palco junto com eles, estão os três músicos que acompanham a banda há́ décadas: João Fera (teclados), Monteiro Jr. (saxofone) e Bidu Cordeiro (trombone).

O trio selecionou 31 faixas que sobrevoam as quase quatro décadas de carreira, numa viagem que começa pelo disco de estreia, “Cinema Mudo” (1983), e passa pelo mais recente álbum, “Sinais do Sim” (2017). O trajeto entre um ponto e outro é a história dos Paralamas contada em forma de música.

Frejat

O show Frejat Ao Vivo, em turnê pelo país, reúne hits fundamentais do cantor e compositor em seus 40 anos de trajetória. Canções pop sofisticadas, baladas bluseiras, MPB revistada e rock and roll do bom, pra cantar e dançar junto.

Parcerias com Cazuza, como as emblemáticas “Bete Balanço”, “Maior Abandonado”, “Por que A Gente é Assim?” e “Pro Dai Nascer Feliz”,além de sucessos como “Por você” e “Pedra Flor e Espinho”, ganham força e potência nas performances com a banda. As autorais “Amor pra Recomeçar” e “Segredos” dividem o roteiro com clássicos da MPB já consagrados na voz de timbre personalíssimo de Frejat, como “Amor Meu Grande Amor’ e “Malandragem Dá Um Tempo.

Frejat sobe ao palco acompanhado de uma das melhores bandas de apoio em atividade no país: Marcelinho Costa (bateria) Humberto Barros (teclado) Bruno Migliari (baixo) e Maurício Almeida (guitarra). Para lembrar o clássico bordão, o rock vai rolar e vai rolar direto!

Inesita

Em 2017, lançou o primeiro trabalho solo autoral com o EP Normal de Pedra, participou do 12° Festival Se Rasgum e lançou o primeiro videoclipe chamado “Ciranda”. No ano seguinte, foi chamada para participar do I Festival Floresta Sonora. Foi selecionada no mesmo ano para participar da primeira Mostra Protótipo da Rádio e TV Cultura, participou do Amazon Music como banda base e artista convidada, cantando ao lado de nomes do nosso Estado como Pelé do Manifesto, Luê, Sammliz e Keila Gentil no Teatro da Paz. Ainda em 2018, lançou o segundo EP chamado Cinza.

Em 2020, lança o single “Vertical”, que ganha formato de videoclipe em 2021.

Ainda no mesmo ano, participou do MPB Festival Belém e lançou o single “Céu no Olhar”, com a participação especial da cantora Nazaré Pereira. Logo em seguida, pode lançar o primeiro álbum da carreira, “Cada Objeto Uma Canção”, pela lei Aldir Blanc.

Em 2022, foi convidada pela produção Se Rasgum a participar do Festival de Música Instrumental e Experimental – SONIDO, dividindo o palco com o duo Marapuãma.

Kikito

Nascido em Belém, o guitarrista e compositor de 26 anos, começou chamando atenção desde o primeiro single e do EP de estreia, “Aquela velha canção, cultivei em movimento”, de 2016. Em 2017, foi um dos vencedores das seletivas do Festival SeRasgum. Em 2018, com o primeiro álbum autointitulado, mostrou que a proposta de reunir a timbragem retrô de sua guitarra com a intervenção de sintetizadores e batidas eletrônicas aflorava num som ora cheio de vigor, ora de calmaria.

Esse bem-dosar no uso das ambiências sintetizadas e da guitarra de múltiplas identidades – às vezes punk, indie rock ou rock clássico, às vezes gótica ou tropicalista – somado ainda às riquezas da música brasileira –,             à popular e a regional -, dão o tom da identidade sonora que veio se formando no seu trabalho. Tanto nos singles em parceria com Malu Guedelha quanto no último lançamento, o EP “Uma Alma” de novembro de 2022. Onde o artista aprofunda cada vez mais a mistura das suas artes com a música e se aproxima mais ainda de um show mais explosivo e bem puxado pro rock. Sempre buscando deixar tudo sendo uma coisa só.

Malu Guedelha

É compositora, cantora, entusiasta do teatro e da poesia. A artista paraense, neta da pianista Leonor Macedo e bisneta do escritor Jaques Flores, atua desde os 10 anos de idade em shows realizados pelo seu pai, o também músico e compositor Yuri Guedelha, prestigiando grandes nomes da Música Popular Brasileira como Noel Rosa e Dorival Caymmi no projeto Tributos Centenários de seu pai.

Em 2015 passou a integrar o grupo autoral de indie rock O Cinza, que atingiu expressiva repercussão no cenário de rock paraense, com o qual lançou seus primeiros trabalhos fonográficos como cantora e compositora e pôde, também, participar de grandes festivais da música independente na cidade como Se Rasgum, Psica Festival e Garage Sounds. Vem realizando inúmeras parcerias na cena musical local, como os trabalhos com Kikito, Raidol e Pelé do Manifesto. Atualmente, Malu Guedelha acaba de lançar seu primeiro trabalho solo, o Single Duplo “Livre” e já está em processo de produção de seu Álbum de Estreia que terá lançamento em maio de 2023.

Serviço:

Festival Claro Que É Rock apresenta Os Paralamas do Sucesso e Frejat em noite de show no dia 2 de junho no Hangar, em Belém.

Atrações locais: Inesita, Kikito convida Malu Guedelha, e DJs Albery e Marina Morais.

Patrocínio: Claro, via Lei Semear e Governo do Pará

Realização: Sonique Produções

Pontos de vendas: app e site Bilheteria Digital (www.bilheteriadigital.com), Loja Claro Pátio Belém e Loja Sonho dos Pés Boulevard Shopping

Com informação de Assessoria

VER MAIS

VER MAIS

// try { // document.addEventListener("DOMContentLoaded", function() { // var bottomAds = document.getElementById("bottom-adsF");// console.log('bntt', bottomAds)// var toggleButton = document.createElement("span");// toggleButton.classList.add("toggle-view"); // toggleButton.onclick = toggleBanner; // Make sure to pass the function reference, not call it// var icon = document.createElement("i"); // icon.classList.add("fas", "fa-chevron-up"); // toggleButton.appendChild(icon); // // toggleButton.innerText = "ocultar/exibira"// bottomAds.appendChild(toggleButton);// let isVisible = false; // function toggleBanner (){ // isVisible = !isVisible; // if(isVisible){ // bottomAds.style.bottom = "0"; // }else{ // bottomAds.style.bottom = "-121px"; // } // } // toggleBanner ();// }); // } catch (error) { // console.error('Erro ao executar o código:', error); // }