Brasil garante vaga olímpica no revezamento 4x100m medley misto

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

O Brasil assegurou vaga olímpica para no revezamento 4x100m medley misto para Paris-2024. A classificação veio depois da disputa das eliminatórias desta prova no Mundial de Esportes Aquáticos de Doha, nesta quarta-feira, 14. Mesmo sem ter uma equipe na edição, o país carimbou seu passaporte graças ao desempenho obtido no Mundial do ano passado, em Fukuoka, no Japão.

Durante os Jogos Olímpicos de Paris-2024, cada prova de revezamento da natação contará com 16 equipes, das quais três garantiram vaga ainda no ano passado, após irem ao pódio no Mundial de Fukuoka. As 13 vagas restantes ficaram destinadas a um ranking que contabiliza os melhores tempos juntando as eliminatórias e as finais dos Mundiais de Fukuoka-2023 e de Doha-2024.

CONTINUE LENDO...

Guilherme Basseto, Jhennifer Conceição, Kayky Mota e Stephanie Balduccini formaram o revezamento brasileiro no Mundial de Fukuoka e marcaram 3min48s00 na ocasião, ficando em 16º lugar na eliminatória. Em Doha, o Brasil não enviou atletas para a disputa e, por isso, o país não poderia ser ultrapassado por nenhuma equipe para conseguir classificação olímpica, o que não aconteceu.

Este é o terceiro revezamento que a natação brasileira garante vaga nos Jogos Olímpicos. Há alguns dias, o país também assegurou sua classificação nos revezamentos 4x100m livre masculino e feminino. Agora, o Brasil já tem 18 atletas garantidos na natação em Paris-2024. Por enquanto, são 11 com índice olímpico nas provas individuais e sete para os revezamentos.

VER MAIS

VER MAIS