Charles do Bronx perde R$ 10,7 milhões por lesão que cancelou luta no UFC

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Um golpe do destino, ou melhor, um golpe durante o treino, custou caro a Charles do Bronx. A poucos dias de lutar pela revanche contra Islam Makhachev pelo cinturão peso leve (até 70,3kg.) no UFC 294, em outubro de 2023, o brasileiro sofreu um corte profundo no supercílio durante uma sessão de treinos, o que o obrigou a se retirar da luta.

A lesão, além de adiar o sonho da revanche, teve um impacto financeiro significativo para o brasileiro. De acordo com Sean Shelby, matchmaker do UFC, Do Bronx deixou de embolsar US$ 2 milhões (cerca de R$ 10,7 milhões) por causa do corte.

CONTINUE LENDO...

A frustração com a situação era evidente. Dana White, presidente do UFC, não escondeu seu descontentamento ao saber da lesão de Charles, principalmente por ter acontecido em um treino sem a devida proteção. O dirigente chegou a criticar o brasileiro pela escolha de realizar o sparring sem capacete a um dia da viagem para Abu Dhabi.

Com a vaga em aberto, Charles do Bronx foi substituído por Alexander Volkanovski. O australiano, porém, não foi páreo para Islam Makhachev, que venceu a luta pela decisão unânime dos jurados e se consolidou como campeão dos pesos leves.

VER MAIS

VER MAIS