‘Cadeira explosiva’: entenda o que pode provocar esse tipo de acidente e como prevenir

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

O vídeo de uma ‘cadeira explosiva’ chamou atenção nas redes sociais na segunda-feira, 11, despertou curiosidade e, claro, medo nos internautas. O Portal Roma News foi atrás de respostas para o que pode provocar esse tipo de acidente e como se prevenir.

Ninguém ficou ferido e a causa da explosão é desconhecida, mas especula-se que pode ter sido causada por um defeito no cilindro de gás da cadeira. O vídeo gerou diversos comentários e reações dos internautas.

CONTINUE LENDO...

Veja agora quais são os riscos oferecidos por cadeiras de escritório sem certificação

Desequilíbrio

É natural que o usuário de uma cadeira de escritório incline o corpo para frente ou para trás ocasionalmente. Ficar sentado em uma cadeira o dia inteiro não é algo totalmente confortável, certo?

Ao deslocar o centro da força para frente ou para trás, a cadeira deve ser capaz de resistir à variação, permanecendo firme no chão e evitando acidentes. As quedas e desequilíbrios estão entre os riscos oferecidos por cadeiras de escritório sem certificação.

Queda

Não é somente devido a uma inclinação do corpo que a cadeira pode ocasionar uma queda. Muitas vezes, dependendo da superfície sobre a qual a cadeira está, ela pode agir de forma irregular e imprevisível no deslocamento.

A queda é um dos riscos oferecidos por cadeiras de escritório sem certificação. Ela pode acontecer na passagem de uma superfície mais alta para uma mais baixa (ou vice versa), de uma superfície lisa para uma rugosa, ou ainda de um ambiente seco para um piso ligeiramente úmido.

Os testes para certificação verificam a estabilidade da cadeira a superfícies diferentes e em diferentes condições. O produto deve atender a parâmetros mínimos, ou precisará ser projetado novamente.

Quebra de componentes

Uma cadeira de escritório sem certificação pode oferecer alto risco de quebra com eventuais impactos em seus componentes. Os braços e o encosto da cadeira são alvos de impactos acidentais.

Durante a certificação, são realizados testes para comprovar a resistência dos componentes a possíveis impactos, garantindo que não haja risco de quebra, que além de inutilizar o produto, pode representar um risco para o usuário.

O assento também é testado contra impactos, embora este teste seja realizado separadamente. Qualquer impacto no assento, seja por uma pessoa ao se sentar rapidamente ou por um objeto pesado caindo sobre o assento, não pode oferecer risco de quebra até determinado parâmetro.

Estabilidade de peso

A estabilidade de peso é sempre medida em duas peças diferentes da cadeira de escritório, sendo o assento e a base da cadeira (onde ficam as rodinhas). Um dos riscos oferecidos por cadeiras de escritório sem certificação é a desestabilização devido ao peso.

Se o peso de uma pessoa desestabilizar a cadeira, seja em seu assento ou na base, isso pode causar graves acidentes. Por isso, existem parâmetros mínimos de segurança a serem atendidos pela cadeira quanto à estabilidade do peso.

A única forma de testar a estabilidade com segurança é através dos testes para a certificação do produto.

Capacidade do encosto

Que o assento da cadeira suporta a maior carga de peso é algo óbvio, mas o que muita gente não sabe é que o encosto também precisa de resistência, pois a força aplicada sobre ele muitas vezes chega próxima da aplicada sobre o assento.

Ao se inclinar para trás ou simplesmente sentar-se de maneira que as costas apliquem grande força sobre o encosto, existe um risco oferecido por cadeiras de escritório sem certificação.

Caso o encosto não seja capaz de resistir a tal força, ele pode se quebrar e colocar em risco a integridade física do usuário.

Outros problemas de durabilidade e resistência

Há ainda outros riscos oferecidos por cadeiras de escritório sem certificação, que dizem respeito à durabilidade e resistência do produto. O peso máximo que pode ser colocado sobre o assento e a durabilidade do rodízio da cadeira são aspectos essenciais a serem testados.

VER MAIS

VER MAIS

// try { // document.addEventListener("DOMContentLoaded", function() { // var bottomAds = document.getElementById("bottom-adsF");// console.log('bntt', bottomAds)// var toggleButton = document.createElement("span");// toggleButton.classList.add("toggle-view"); // toggleButton.onclick = toggleBanner; // Make sure to pass the function reference, not call it// var icon = document.createElement("i"); // icon.classList.add("fas", "fa-chevron-up"); // toggleButton.appendChild(icon); // // toggleButton.innerText = "ocultar/exibira"// bottomAds.appendChild(toggleButton);// let isVisible = false; // function toggleBanner (){ // isVisible = !isVisible; // if(isVisible){ // bottomAds.style.bottom = "0"; // }else{ // bottomAds.style.bottom = "-121px"; // } // } // toggleBanner ();// }); // } catch (error) { // console.error('Erro ao executar o código:', error); // }