Reprodução
Reprodução

Saiba quais são os sintomas da varíola dos macacos de acordo com o dia da infecção

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

A varíola dos macacos causou alerta por todo o mundo, especialmente entre homens que fazem sexo com homens. A doença é caracterizada por sintomas comuns a outras condições de saúde, como o aparecimento de feridas no corpo que podem ser confundidas com herpes e acne, por exemplo. No entanto, o vírus monkeypox causa sinais que se manifestam por até três semanas, e alguns deles podem passar despercebidos.

Os sintomas tendem a aparecer a partir do quinto dia após contato com o vírus e, de acordo com o Ministério da Saúde, a varíola dos macacos pode ser transmitida desde os primeiros sinais até o momento em que as crostas estão visíveis na pele. Por isso, é preciso se familiarizar com as características da doença para tomar as medidas necessárias de isolamento e tratamento, evitando a contaminação de outras pessoas.

CONTINUE LENDO...

Entenda como é a manifestação da doença:

Entre cinco e sete dias

Os primeiros sintomas de varíola dos macacos começam a aparecer entre cinco e 21 dias após a infecção, mas tendem a surgir a partir do sétimo dia. Durante esse período, uma pessoa exposta ao monkeypox pode não saber que está doente.

Nos dias iniciais, as características são similares às de uma gripe, como:

  • Febre
  • Dor de cabeça
  • Dores musculares
  • Glândulas inchadas (especialmente na garganta)
  • Calafrios
  • Fadiga

Entre seis e 10 dias

As primeiras características visíveis da varíola dos macacos começam a surgir neste período. De acordo com infectologistas, uma irritação da pele começa a aparecer entre um e cinco dias após os primeiros sintomas. Elas tendem a ser doloridas e provocar coceiras.

As lesões costumam aparecer no rosto, e podem ser confundidas com espinhas ou mesmo reações alérgicas, mas logo se espalham para outras partes do corpo, como a boca, o ânus e a região genital. As feridas inicialmente têm forma achatada, mas se tornam protuberantes e começam a apresentar um líquido esbranquiçado, parecido com pus.

Depois, as bolhas ganham uma consistência parecida com a de borracha e o líquido torna-se mais amarelo, tomando a característica de pústulas. Essa fase dura entre cinco e sete dias, depois, as lesões secam e começam a ter crostas.

Entre 14 e 21 dias

O início da formação das crostas marca o último estágio dos sintomas na pele, e nas duas semanas seguintes, as feridas cicatrizam e param de doer ou coçar. Entre duas e três semanas após os primeiros sinais, a tendência é que todas as marcas visíveis da varíola dos macacos desapareçam.

Com informações do Metrópoles

VER MAIS

VER MAIS