Secretário da ONU afirma que planeta chegou na era da ‘ebulição global’

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Após evidências científicas de que o mês de julho foi o mais quente de toda a história do planeta, o secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Antônio Guterres afirmou em coletiva de imprensa na manhã desta quinta-feira, 27, que “a era do aquecimento gloral acabou. A era da ebulição gloral chegou”.

Para Guterres, as temperaturas extremas registradas no hemisfério norte no verão tem trazido consequências claras e trágicas, como crianças sendo levadas por enchentes, famílias fugindo de incêndios, trabalhadores desmaiando de calor escaldade e mortes.

CONTINUE LENDO...

O Secretário-Geral pediu aos países em desenvolvimento que mantenham suas promessas sobre o financiamento climático internacional e que  o exemplo deve vir dos membros do G20, ao liderarem o compromisso com cortes nas emissões de gases do efeito estufa na Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas de 2023. 

VER MAIS

VER MAIS