Suprema Corte autoriza Donald Trump a concorrer nas eleições presidenciais de 2024

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

A Suprema Corte dos Estados Unidos emitiu uma decisão crucial nesta segunda-feira, 4, autorizando que o ex-presidente Donald Trump participe das eleições presidenciais norte-americanas agendadas para novembro de 2024.

Com a decisão favorável ao recurso apresentado pela defesa do ex-presidente, Trump mantém sua elegibilidade como pré-candidato pelo Partido Republicano, sendo considerado o favorito para representar a sigla. O ex-presidente enfrentava acusações de supostamente tentar reverter os resultados das eleições de 2020.

CONTINUE LENDO...

A ação, que estava em análise na Suprema Corte, envolvia o recurso de Trump contra uma decisão da Justiça do estado do Colorado. Essa decisão estadual afirmava que o republicano não poderia concorrer às eleições por violar um artigo da 14ª emenda da Constituição dos EUA. A Justiça do Colorado alegou que Trump teria participado da invasão ao Capitólio em Washington, em 6 de janeiro de 2021, o que o tornaria inelegível.

Os juízes da Suprema Corte, predominantemente conservadores, argumentaram que a determinação sobre a elegibilidade de um candidato deve ser realizada pelo Congresso norte-americano, e não pelos estados. Desta forma, a Suprema Corte anulou a decisão da Justiça do Colorado.

A decisão da Suprema Corte ocorre um dia antes da “Superterça”, quando 15 estados e um território dos EUA realizam suas prévias eleitorais simultaneamente. Apesar da concorrência dentro do Partido Republicano, com Nikki Haley entre os nomes, Trump permanece como favorito para representar a sigla, e a expectativa é de que ele enfrente novamente o democrata Joe Biden, repetindo a disputa de 2020.

Com informações do Metrópoles

VER MAIS

VER MAIS