Reprodução/EPTV
Reprodução/EPTV

Cachorra resgatada em antena fica presa em portão e é salva pela segunda vez no mesmo dia; veja

COMPARTILHAR:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Na última quarta-feira, 3, um fato curioso impressionou moradores da cidade de Cosmópolis, em São Paulo. No mesmo dia, a Guarda Municipal resgatou a mesma cachorra duas vezes: de manhã, ela ficou presa no alto de uma antena. Já no período da tarde, ela novamente ficou presa, mas dessa vez no portão.

A Mel, como é chamada, foi resgatada nas duas vezes sem nenhum ferimento e o guarda responsável pelo resgate chegou a brincar com a situação, declarando que: “Tá difícil a Mel, viu”.

CONTINUE LENDO...

Na manhã da quarta-feira, a Guarda Municipal foi até o local após ser chamada por moradores que viram a cadelinha presa no alto de uma antena, a cerca de cinco metros de altura. Ela foi retirada do local pelos agentes e estava bem e sem ferimentos. Porém, quando a equipe da EPTV, afiliada da TV Globo, foi até o local para fazer uma reportagem sobre o caso, a Mel ficou novamente presa, mas desta vez no portão.

A Guarda acredita que a cachorrinha tenha se assustado com fogos de artifícios soltos na última terça-feira, 2, durante a partida entre Corinthians e Flamengo, e por isso subiu na antena e acabou ficando presa: “A gente estava aqui na nossa base pegando radiocomunicação, aí chegou um senhor falando que tinha um cachorro na torre. Até falei ‘um cachorro na torre?’. Aí ele mostrou a foto, eu olhei e falei ‘caramba, não é que é mesmo um cachorro na torre'”, disse o guarda Reginaldo André.

O dono da cachorra foi chamado no trabalho pelos agentes e diz ter levado um susto quando soube de tudo: “Ele falou pra acompanhar e eu perguntei porque, ele disse ‘sua cachorra está lá na antena’, eu falei ‘na antena?'”, afirmou Francisco Júnior, dono de Mel. O resgate foi feito pelos guardas e a cachorrinha ficou bem.

Segundo Francisco, ele saiu pela manhã e não percebeu se a Mel já estava na torre. Ele explica que “Eu assisti o jogo, eu já tinha colocado comida para ela e ela estava lá, no quintal. Aí acabou o jogo, começaram os fogos, aí eu fui dormir. Ela estava quietinha. Acordei, fui trabalhar e nem olhei para a antena, para cima, nada”, explicou. Agora, após os dois resgates consecutivos, Francisco diz que vai deixar a Mel dentro de casa quando tiverem fogos de artifício, para evitar que ela se assuste.

Com informações do G1

VER MAIS

VER MAIS